Permita-se viver a vida com leveza, dormindo bem e potencializando sua aprendizagem

 

Jorge Monteiro e Drª Silvia Gomes Monteiro

O normal do ser humano é supervalorizar os fatos negativos de sua própria história, jogar todo o peso de uma possibilidade de erro nas costas, estando mais preocupado com o que os outros vão dizer do que com o erro em si. Trabalhar mentalmente a emoção do medo e o desconforto de poder perder suas conquistas é o usual mas, alguns outros agem com extrema leveza e simplicidade, sem perder a eficiência e o entusiasmo. Por que será?

Talvez possamos ver estes fatos como aprendizado. Nem sempre temos a sorte de crescer em um ambiente proativo, estimulante e com uma alta gama de estímulos capazes de desenvolver conexões neurais que acumulam o registro de experiências de sucesso. Na nossa cultura somos massacrados com frases de estímulo pela dor “se você não estudar vai passar fome!”, “se você errar na vida fica marcado!”, “trabalhe duro porque a vida não é fácil”, carimbos e verdades absolutas que nos impelem a lutar por sobrevivência, pensando muito na escassez e deixando de valorizar a abundância. Aprendizado.

Conhecemos e usamos lentes negativas, precisamos aprender a trocá-las por lentes positivas, que têm o poder de nos mostrar nossas virtudes, nossas conquistas (mínimas que sejam) e nossas potencialidades. Usando as lentes positivas teremos condições de usufruir de pequenos momentos de alegria e felicidade no dia-a-dia, poderemos perceber que há muita luz no fim do túnel e que fazendo o movimento certo, chegaremos nela facilmente, com leveza e sem muito esforço.

Quando estamos vendo a vida de forma positiva, podemos encarar as nossas potencialidades e acreditar que conseguiremos manter a abundância em nossas vidas, favorecendo novos projetos e conquistas. Viver assim proporciona muita tranquilidade e calma, sendo que até o humor muda, pois a confiança de que sempre teremos dias ainda melhores nos alegra.

Com isso, mudamos também o descanso. Corpo cansado por um dia árduo de trabalho feliz é bem diferente de um corpo cansado por um dia difícil de trabalho sem perspectivas, triste, enfadonho, completamente infeliz. No primeiro, uma boa noite de sono reparador, com a mente calma e tranquila, é suficiente para acordar novo e animado para um verdadeiro bom dia. No segundo caso, a mente não para de pensar na insatisfação, na culpa, nas decepções, o sono é péssimo e acordamos como se tivesse passado toda noite em claro.

Quando pensamos em aprendizagem cognitiva, estudantes ou concurseiros que fazem várias jornadas, o sono tem uma função importante para a recomposição das energias e para a acomodação da memória. Uma pessoa privada do sono tende a se tornar muito irritada e tensa, podem deixar que a ansiedade ou apatia os dominem, pois afeta o estado de humor, o raciocínio, a atenção e vários fatores cognitivos. Boas noites de sono são mensageiras do bem estar, da saúde mental e da longevidade, pois descansando nosso corpo sintetiza as proteínas e se expandem as redes neurais ligadas à memória e ao aprendizado.

Com a hipnoterapia, podemos treinar nossa mente inconsciente à focar em nossas experiências positivas para vencer os obstáculos com muita vontade, deixando de lado os medos, as inseguranças e os bloqueios que nos engessam. Podemos também aprender a descansar a mente plenamente, com técnicas que proporcionam os mesmos efeitos de um certo período de sono, onde a pressão sanguínea cai, os vasos dilatam e os músculos relaxam. Com isso, é possível potencializar o crescimento, a reparação e a renovação dos tecidos do corpo, além de reduzir o estresse e favorecer o metabolismo.

Sem o descanso mental suficiente, se torna difícil encontrar equilíbrio, foco e concentração, elementos fundamentais para potencializar o aprendizado. Seja generoso com você mesmo, permita-se alcançar uma vida mais leve, feliz e produtiva.